Amor de mãe.

No meio dessa loucura que me encontro e de tantos desencontros, de palavras mal ouvidas e sensações nunca antes sentidas, me sinto segura em ter você.

Com um presságio em seu coração, me alertou que eu passaria por tamanha decepção, e ainda assim eu me arrisquei, larguei tudo, e encarei essa vida bandida que se você não se cuida te abala e se farta em te ver destruída.

No meio de erros e acertos, de medos e certezas, aí está você do outro lado da mesa me fazendo entender que a vida é assim…

Que vou cair e me levantar, que vou sorrir e vou chorar, que vai doer, mas que vou crescer, que vou pedir a Deus que carregue minha cruz, mas que ao final de tudo, eu vou entender que não existe nada nesse mundo que possa apagar minha luz.

Com tristeza me disse que irão me magoar e por vezes me humilhar, que em alguns casos irei me despedaçar, mas que mesmo assim, ao amanhecer eu ainda terei o poder de amar.

Entendi que mesmo que eu me perca e veja tudo sem clareza, você vai me amparar, em seu colo me carregar, vai me abraçar, me amar, me ouvir, me consolar.

E no fim de mais um dia sofrido, vai transformar minha tristeza em alegria, vai me dar um abraço apertado e me levar de volta pra casa.

 

Escrito por

Carioca, escritora, autora do livro 'Será que é amor?' e voz do Podcast 'Literapiacast'.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s